Campo Erê / Segurança - 07 de Dezembro de 2017 - 07h49

Policia civil de Campo Erê identifica trio que furtava estabelecimentos comerciais na região

Foto: www.campoere.com/PC

O Setor de Investigação Criminal - SIC da Delegacia de Polícia da Fronteira de Campo Erê, identificou os autores de um furto cometido no dia 28/09/2017, em uma loja de roupas no centro da cidade. Na oportunidade, um casal praticou o furto, subtraindo, causando um prejuízo de mais de quatro mil reais.

Enquanto a mulher G. M. da R., 26 anos de idade, distraía a dona do estabelecimento, simulando querer comprar roupas, o homem Dario Moura da Silva 49 anos de idade, escondia algumas calças sobre o casaco e as levava até um carro Astra, que ficou estacionado na frente de loja. O portal não conseguiu os nomes completos dos demais envolvidos.

Após, Dario voltou ao interior da loja e furtou mais uma quantidade de calças, usando o mesmo modus operandi. Em seguida, os ladrões se evadiram da cidade em um veículo GM/Astra, que posteriormente foi identificada sua placa, como IJD4032, de Passo Fundo/RS.

A partir da identificação do veículo e das imagens das câmeras da loja, as buscas aos autores foi deflagrada. Na tarde de 28 de novembro, D. M. da S. e G. M. da R., além do masculino C. A. S., 26 anos de idade, foram abordados na cidade de Piratuba SC, quando trafegavam com o veículo GM/Astra, o mesmo utilizado no furto em Campo Erê, sendo que em seu interior foram encontradas 78 peças de roupas diversas, sem a devida procedência.

No momento da abordagem, Dario mentiu seu nome, tentando ludibriar os policiais, porém foi identificado e constatado que contra o mesmo havia mandado de prisão em aberto, por estar foragido da Penitenciária de Chapecó, onde cumpria pena por outros crimes. Ele foi reconduzido a Penitenciária de Chapecó, enquanto C. A. S. e G. M. da R. foram liberados, devido não haver nenhum crime até então apurado.

As roupas foram apreendidas e estão à disposição das vítimas, para reconhecimento e restituição. A equipe de investigação da Delegacia de Campo Erê apurou que os mesmos indivíduos praticaram vários furtos nas cidades de Joaçaba, Xanxerê e Capinzal, onde já foram reconhecidos. Há indícios de que a quadrilha agia nos três Estados do Sul, praticando frequentemente furtos em lojas e mercados. As investigações prosseguem e o Delegado de Campo Erê instaurou inquérito policial, a fim de indiciar os autores, conforme as provas apuradas.

A Polícia Civil acredita que a partir da divulgação dos fatos e das imagens dos criminosos, surjam outras vítimas e solicita que informações sejam repassadas pelo telefone 49-36551077.

Veja aqui outras estelionatárias que praticaram crime em Campo Erê

Fonte: Campoere.com

Galeria

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

  • Foto: www.campoere.com/PC

    Foto: www.campoere.com/PC

Compartilhar:

Veja também

Todos os direitos reservados. Campo Erê.com. 2017

DBlinks - Agência Digital Desenvolvido por: